FUNPAJ – Fundação Padre José Koopmans - Bahia: mais vazamentos de urânio das Indústrias Nucleares do Brasil
Publicado em 16/12/2013 ás 09:35h por João Luiz Monti

Bahia: mais vazamentos de urânio das Indústrias Nucleares do Brasil

Mais um ano amargo para o Programa Nuclear Brasileiro. O balanço 2013 é mesmo degradante, encerrando com vazamentos de licor radioativo, de contaminantes químicos, supressão de vegetação e baixa produção em sua unidade industrial de Caetité, na Bahia, onde uma mineração de urânio dá inicio ao ciclo de produção de energia nuclear. Crimes ambientais e trabalhistas, constatados e denunciados, ao longo do ano, aos órgãos responsáveis pela fiscalização continuam impunes.

O Sindicato dos Mineradores de Brumado e Microrregião (Sindmine) revelou, hoje, que a Indústrias Nucleares do Brasil (INB) conseguiu esconder um acidente no TQ 1402, maior tanque de estocagem do sistema de produção de concentrado de urânio, que há mais de um mês está encharcando o solo com licor radioativo. E ontem foi detectado outro vazamento, num reservatório de rejeitos de altíssima concentração de urânio na área 170, onde se realizam atividades de precipitação, filtração, secagem e entamboramento desse minério. É a mesma área que foi parcialmente interditada, em julho de 2011, pelo Ministério Público do Trabalho e MTE, devido à irregularidades verificadas na INB.

Continue lendo esta notícia no link 12 11 Bahia registra novos vazamentos de concentrado de urânio na Indústrias Nucleares do Brasil

Fonte: Zoraide Vilasboas – Coordenação de Comunicação

ASSOCIAÇÃO MOVIMENTO PAULO JACKSON – Ética,Justiça,Cidadania
Sede – Sind. dos Trab. em Água e Esgoto da Bahia (Sindae)
Rua General Labatut, 65, Barris, CEP 40070-100– Salvador-Bahia,
E-mail: assmpj@gmail.com
Tel: 71 9998 4503 – Fax: 71 3013-6913

[ Todo conteúdo da FUNPAJ pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, a FUNPAJ e, se for o caso, a fonte primária da informação. ]

0 Comentários

Deixe o seu comentário!