FUNPAJ – Fundação Padre José Koopmans - Projeto Caminhos para a Liberdade: Práticas de Formação e Conscientização para a transformação Socioambiental
Publicado em 21/03/2016 ás 09:31h por João Luiz Monti

Projeto Caminhos para a Liberdade: Práticas de Formação e Conscientização para a transformação Socioambiental

IMG_20160213_085531018

A Fundação Padre José Koopmans, desde a sua criação, opta por realizar parcerias com um objetivo: Fortalecer as organizações da sociedade civil e contribuir para que suas ações sejam potencializadas. E isto tem se tornado uma ação constante, seja na cidade ou no campo.

O foco, desta vez, está direcionado para o Bairro Liberdade II fortalecendo as ações da Associação Cidadania São José – ACSJ, coordenada pelas Irmãs de São José. A entidade e suas associadas são parceiras fundamentais para a realização das atividades com crianças, adolescente e seus familiares. Além dessa associação, outras entidades e organismos públicos contribuem com a ação: O Grupo de Capoeira Zumbibahia, o Conselho Tutelar do Município de Teixeira de Freitas, o Conselho Municipal de Educação e Cultura de Teixeira de Freitas, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Teixeira de Freitas – COMDECA, Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS, Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente – CECA e pessoas voluntárias como os estudantes da UNEB.

Nos últimos 05 anos, o Coletivo de Integrantes desenvolve relações de conversação com as organizações não governamentais, participa de conselhos temáticos e setoriais de políticas públicas sociais e segue construindo alternativas de curto, médio e longo prazo, aprimorando sua forma de intervenção social tendo em vista a melhoria da qualidade de vida das pessoas alcançando por meio de projetos socioeducativos a população  nem sempre atendida pelos órgãos públicos.

Uma dessas ações realizadas por meio de projetos socioeducativos é a realização do Projeto Caminhos para a Liberdade que objetiva realizar práticas de formação e conscientização entre crianças, adolescentes e familiares oferecendo cursos, encontros, reuniões e visitas domiciliares à população do Bairro Liberdade II, em Teixeira de Freitas.

O Projeto Caminhos para a Liberdade: Práticas de Formação e Conscientização para a transformação Socioambiental foi uma conquista importante que vem sendo construida junto a organismos públicos e entidades da sociedade civil desde o ano de 2014, quando, a partir de diagnósticos desenvolvidos em pesquisa socioeconômica no Bairro Liberdade II, em 2011, foram traçados alguns caminhos no sentido de atender as demandas sociais de um bairro periférico, com população de baixa renda e com inúmeros problemas socioambientais: falta de serviço integral de serviços de água e esgoto, espaços destinados a praças sem arborização e equipamentos de esporte e lazer, alta concentração de estudantes do ensino fundamental em 4 turnos escolares num mesmo dia, violências diversas tais como: uso descontrolado de drogas, gravidez precoce, abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes, falta de documentos pessoais como registro de nascimento, RG e CPF, cartões sociais, dentre outros problemas.

Para refletir com a comunidade a situação comunitária em que se encontra, foram realizadas reuniões com entidades, elaborações de propostas que se tornaram o atual Projeto Caminhos para a Liberdade. Nesse sentido, o projeto tem realizado – com grande aproveitamento dos recursos materiais ou financeiros – cursos, encontros, reuniões, visitas domiciliares sob uma perspectiva conceitual fundamentada no pensamento e práticas transformadoras de Paulo Freire, O Círculo de Cultura. A prática do círculo de cultura está presente com prática pedagógica em todas as etapas dos serviços socioeducativos que estão sendo realizados conjuntamente com educadores contratados, familiares, lideranças e estudantes voluntários da Universidade do Estado da Bahia – UNEB. O círculo revela a importância do estabelecimento do diálogo com todos os participantes sejam educadores ou beneficiários do projeto.

O Projeto Caminhos para a Liberdade: Práticas de Formação e Conscientização para a transformação Socioambiental oferta os seguintes serviços:

  • Círculos de Cultura com familiares dos participantes de 2 em 2 meses;
  • Círculos de Cultura Intra cursos;
  • Visitas domiciliares para acompanhamento das famílias das crianças e adolescentes;
  • Círculos de Cultura com 80 Crianças (II etapa);
  • Cursos de Informática Básica;
  • Formação continuada para Educadores do projeto – Planejamento e avaliação, dentre outras temáticas do conteúdo;
  • Leitura e Produções Textuais (I etapa);
  • Desenho;
  • Pintura em Tela e Tecido;
  • Capoeira;

Desde que foi iniciado, no início de Julho de 2015 – a partir do Convênio 006/2015 assinado com o Governo do Estado da Bahia através da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento social, por meio do projeto aprovado no Conselho Estadual de Direitos da Criança e do Adolescente – CECA – o projeto objetiva, além do propósito de formação por meio de técnicas de cultura e contribuições profissionalizantes, desenvolver e fortalecer os vínculos de convivência familiar e comunitárias entre todos os sujeitos envolvidos, moradores do Bairro Liberdade II. Atualmente, o projeto está sendo realizado em sua II etapa, que será encerrada no mês de Junho de 2016.

[ Todo conteúdo da FUNPAJ pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, a FUNPAJ e, se for o caso, a fonte primária da informação. ]

1 Comentário

  1. Claudia Pinheiro disse:

    A Fundação está de parabéns pelas ações que vem realizando junto com à comunidade local.

Deixe o seu comentário!